Pages Navigation Menu

Exercício, nutrição, saúde e qualidade de vida. Gestão de carreira e Academia.

Aula de Bike Indoor: tudo o que você precisa saber – parte III

Leia também:

Na parte II, prometi para uma leitora que iria dar dicas de como selecionar as músicas para montar um CD para aula de bike indoor. A música é fundamental para alcançar o objetivo na aula de bike, é ela que determina a cadência, ou seja, o ritmo da pedalada. Há professores que selecionam músicas de diversos CDs e vão trocando no decorrer da aula, eu prefiro fazer uma pré-seleção e montar um CD para cada aula.

Bike Indoor

1 – Determine o tipo da aula, neste exemplo a aula escolhida é de força. Para recordar, nas aula de força trabalha-se entre 75% ~ 85% FC máx e os trabalhos podem ser: contínuo, crescente ou decrescente. A recuperação é completa e mesmo na recuperação trabalha-se força. É também conhecida como Aula de Subida.

Existem quatro tipos de subida e para cada uma delas uma cadência diferente.

  1. Sentada com carga média – cadência 60rpm ~ 70rpm
  2. Em pé com carga média – cadência 60rpm ~ 70rpm
  3. Em pé com carga pesada – cadência 52rpm ~ 70rpm
  4. Em pé rápida, com carga média ou pesada – cadência 80rpm ~ 90 rpm

2- Monte a aula no papel. Escolha a primeira música para o aquecimento e a última para a volta a calma/alongamento. Para as demais você deverá determinar o tipo, tempo de estímulo e a recuperação. Com isso terá o tempo aproximado da música, lembre-se que se a recuperação não couber na música, poderá ser feita em uma diferente.

3- Selecione músicas que se encaixem no tempo e na cadência desejada de acordo com o estímulo escolhido para aquela parte da aula (veja o ítem 1). Lembre-se que o bpm da música equivale ao dobro do rpm da cadência.

4- Ouça a música escolhida e experimente aplicar o que planejou. Se você não tem muita experiência sente na bike e pedale.

5- Mantenha uma ficha com a aula anotada, cada música com seu estímulo, numere a ficha igual ao CD.

Este post será mais útil para professores, mas dará aos alunos uma idéia de que montar uma boa aula não é nada fácil!

8 Comentários

  1. sou um novato nessa área, vou começar a dar aulas de bike, mas queria saber como faço ´para calcular o rpm, e se o número máximo de subidas são apenas 4.
  2. Respondendo para o João Paulo…

    Oi João Paulo!

    Que legal! Espero que se dê muito bem!
    O rpm, na aula de bike, depende do bpm da música escolhida, o rpm equivale à metade do bpm, mas é possível trabalhar com o giro dobrado ou quebrado.
    Existem quatro tipos de subida, o que não significa que você irá utilizá-las todas no mesmo estímulo.

    Um abraço

    Profª Esp. Denise Carceroni

  3. OI,tudo bem dou aulas de a bike a pouco tempo, vc conhece algum programa simples de mexer para mixar (diminuir ou aumentar a musica de acordo com o estimulo que eu queira dar para aula ficar quadradinha exemplo:Aula de 45 min uma musica se tem o esimulo escolhido de 4 min e uma outra recueração com 2 min 6 séries desta o tempo restante 9 min ficaria para aquecimento e volta a calma.
    O problema é que não existe quase nehuma musica de 2 min e 4 min exatos e quando tem muitas vezes a musica não é boa. Percebi que a aula fica diferente quando fica tudo (redondo) sem ter que dá estimulo e recuperação na mesma musica, alguns professores utilizam esta estratégia porém não é regra e a aula acaba não virando fartleck uma mistura danada sem intenção. rss e cria uma outra atmosfera na aula
    Espero que vc tenha entendido o meu raciocinio obrigado….denise
  4. Respondendo ao Rodrigo

    Oi Professor!

    Claro que entendo o que quer dizer. Quando preciso editar alguma música uso um programa antigo e um pouco difícil de mexer chama-se Cool Edit Pro 2.0, sugiro que procure um programa gratuito e mais simples.
    Neste post coloco passo a passo como monto os meus CDs. Não se preocupe se, por exemplo, a música de estímulo passar um pouco os 4 min, use esse tempo para passar a instrução, dar uma animada na turma, ou então quando o estímulo terminar, vá diminuindo o volume aos poucos e passe para a música de recuperação.
    Minha sugestão é que monte CDs para aulas de 1h assim poderá usá-lo em aulas maiores. Você irá perceber que mesmo montando o CD com o tempo certinho da aula, dificilmente irá usá-lo inteiro. Sempre acontece alguma coisinha que “come” uns minutinhos da aula: uma instrução diferente, uma explicação, muitos alunos iniciantes, o CD player que não funciona direito, uma música que resolve pular…
    Logo você aprenderá a ter jogo de cintura. E parabéns por se preocupar com a qualidade da sua aula, poucos professores tem esse tipo de preocupação.

    Um abraço

    Profª Esp. Denise Carceroni

  5. OI DOU AULAS DE SPINNING

    GOSTARIA DE SABER O QUE POSSO FAZER P QUE MINHAS AULAS NAO CAIAM NA ROTINA

    OBRIGADA DESDE JÁ

  6. Respondendo para a Danielle

    Oi Danielle!

    Você deve periodizar suas aulas. Dê uma olhada no post Aula de Bike Indoor: tudo o que você precisa saber – parte II. Lá você irá encontrar diversos tipos de aula. Alterne-as e suas aulas nunca cairão na rotina. E não esqueça e seleção musical é fundamental para uma boa aula.

    Um abraço

    Profa. Esp. Denise Carceroni

  7. ola,gostaria de saber onde comprar dvds com as aulas.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>